top of page
Buscar
  • Foto do escritorCaroline A. Pinheiro da Costa

Sobre fitoterapia e herbalismo

Um dos principais serviços que eu ofereço dentro do meu trabalho é o acompanhamento fitoterápico. O estudo da fitoterapia é um estudo amplo, que engloba estudar a história das plantas e seu uso medicinal e terapêutico.


Os infinitos povos originários da Terra, há muitos mais de 20 mil anos, iniciaram sua relação com as plantas de cada solo, indicando qual possível uso para cada vegetal. Algumas plantas funcionam super bem para fabricar tecidos, várias para alimentação e outras possuem força medicinal.


Posso exemplificar, citando aqui três linhagens de estudo dentro da fitoterapia: a medicina fitoterápica chinesa, a medicina fitoterápica ayurvédica e a medicina fitoterápica amazônica. Cada povo, durante séculos, tem suas mestras e mestres alquimistas e guardiãs/ões das plantas. Ao longo do tempo, estes seres foram experimentando, observando e tratando pacientes, encontrando a cura física e espiritual de diversas situações.


Nem toda planta curandeira foi ou será comprovada pela ciência ocidental. Te dou um exemplo: o tabaco é utilizado por nossos ancestrais de toda a América em defumações, banhos de descarregos energéticos e, inclusive, em chás para limpeza do sistema digestivo. Contudo, a ciência atual ainda entende o tabaco como uma planta perigosa ao corpo humano.


Agora te dou o exemplo do Guaco, uma planta do sul da América amplamente reconhecida na medicina atual por seu potencial curativo do sistema respiratório. Porém, ela é estudada pelos povos originários há milhares de anos, sendo usada para infinitos fins, inclusive em cataplasmas contra picadas de cobras peçonhentas.


Estudar a fitoterapia é entender que a pesquisa sobre o poder das plantas passa pela comprovação científica, sim. Porém, também, é potente que o fitoterapeuta contemple e busque valorizar e se conectar com os saberes dos povos ancestrais à medicina atual. Com humildade, costuramos forças para curar não só questões físicas, mas curamos corpo emocional e corpo espiritual dos seres humanos (que precisam tanto) aqui na Terra.




0 visualização0 comentário

Comments


bottom of page